Para apadrinhar, ligue: 0300 313 2003 Já é padrinho, ligue: 0300 313 0110

Child Fund Melhores ONGs para doar

Uma organização que é referência na mídia em projetos sociais


Artigo "Tecnologias Sociais que mudam vidas"

15/03/2016
Projetos sociais

Gerson Pacheco

Diretor Nacional do ChildFund Brasil

 

O debate em torno da situação de pobreza vivenciada por significativa parte da população e dos mecanismos de enfrentamento da questão social tem se intensificado no Brasil, nos últimos tempos. Isso decorre da inserção dessa pauta na agenda social brasileira. As políticas de erradicação da pobreza emergem em uma realidade social que ainda experimenta a gravidade das mazelas provocadas pela desigualdade social, responsável pela exclusão de parte significativa da população dos processos produtivos, assim como, pela violação dos diretos sociais.

 

De acordo com os últimos dados do Instituto Nacional de Estatística (INE), em 2013, 24,4% das crianças e dos jovens – um quarto da população com menos de 18 anos – viviam em situação de risco e de pobreza. O número é tão preocupante que é bastante superior à taxa de risco de pobreza apurada para a população de língua portuguesa em geral (18,7%), assim como à taxa média apurada pela União Europeia para jovens com essa faixa etária (20,3%).

Mas quando se fala de pobreza infantil e juvenil, não se trata apenas nesse grupo etário, mas nas famílias em que as crianças e os jovens se inserem. Isso é muito claro na taxa de risco de pobreza média entre famílias sem crianças. Em 2013 era de 15%, mas a taxa média para agregados com crianças dependentes chegava a 22,2%.

 

Uma importante ferramenta no combate à pobreza no Brasil são as tecnologias sociais. Ferramentas que compreendem produtos, técnicas e projetos cujas metodologias são sistematizadas, envolvem constantes pesquisas e podem ser replicadas. São desenvolvidas na interação e compartilhamento dos saberes de diferentes atores, incluindo os habitantes da comunidade a ser atendida. Elas possibilitam efetivas soluções de desenvolvimento social em larga escala, atendendo demandas de educação, alimentação, energia, habitação, renda, recursos hídricos, saúde e meio ambiente, dentre outras.

É assim que atua a organização social ChildFund Brasil. Há 50 anos, a instituição trabalha para erradicar a pobreza no país. Em seus projetos sociais, o ChildFund Brasil utiliza de tecnologias sociais, como a Água para a Vida, que visa a educação ambiental e a promoção da saúde; Gold+ , Aflatoun e Aflateen, que promove a educação social e financeira; Casinha de Cultura, criado para incentivar a leitura; Olhares em Foco para desenvolver a aceitação e a identidade. Porém, as organizações privadas e não governamentais precisam ser assertivas na erradicação das adversidades. Para isso, são necessárias pesquisas de áreas que envolvem observação, entrevista com grupos focais e com a comunidade do entorno para entender e identificar o problema local.

É muito importante que as instituições cheguem a uma determinada região e trabalhem para quando deixarem o local, os atores possam “andar com as próprias pernas”. E, por isso, é importante que as tecnologias sociais abranjam todos. O processo de aprendizagem e capacitação faz com que as pessoas tenham identidade própria no meio social e saibam que elas têm voz para adquirir os seus direitos.

 

A intenção aqui é valorizar o potencial existente e o protagonismo que emerge da força organizadora e de apropriação de conhecimentos dos sujeitos sociais. Eles são beneficiados, usuários e/ou envolvidos com o desenvolvimento de uma tecnologia social. Entendemos que não é possível combater a pobreza sem valorizar o protagonismo das iniciativas desses sujeitos, pois a tendência é considerar a pessoa em situação de pobreza, como objeto de benefícios pontuais.

 

Para apadrinhar, ligue: 0300 313 2003
Já é padrinho, ligue: 0300 313 0110

Transparência

Solidez, transparência e integridade são os pilares que compõem a governança do ChildFund Brasil. Nos preocupamos em utilizar com eficiência todos os recursos que nos são confiados pelos doadores e atualizar em nosso site periodicamente, relatórios, demonstrações contábeis e reconhecimentos sociais obtidos sob os mais diversos temas relacionados ao nosso trabalho no país.

Saiba mais

Nossos números

No Brasil

  • Mais de 127 mil pessoas aproximadamente participam de nossos projetos.

  • Mais de 41 mil crianças, adolescentes e jovens beneficiados

  • Mais de 40 organizações sociais parceiras

No Mundo

  • 20 milhões de pessoas beneficiadas

  • Faz parte de uma rede presente em Mais de 60 países