Fomos feitos para as boas obras: o que isto quer dizer?

Somos meros instrumentos da vontade divina. Quanto mais entendemos essa frase, mais sabemos que fomos feitos para as boas obras.

Afinal, Deus é a bondade suprema, nosso criador. Mas para querer fazer a diferença positiva no mundo, é preciso ter fé.

Qual é a relação da fé com a boa obra? É sobre isso que falaremos no presente texto. Continue a leitura para entender sobre o assunto!

O que qualifica uma boa obra?

Efésios 2:8-10 Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; e isso não vem de vós; é dom de Deus; não de obras, para que ninguém se glorie. Pois somos feitura dele, criados em Cristo Jesus para boas obras, as quais Deus de antemão preparou para que andássemos nelas.

Uma boa obra é o cumprimento da vontade Deus. Segundo a Bíblia, uma boa obra não é apenas aquela que tem boa aprovação social, porque isso os pecadores também fazem (Mt. 7:11; Rm. 2:14).

A boa obra é, sim, aquela proveniente da fé, que é o princípio que nos leva a praticar boas ações. Hebreus 11:6 diz que “sem fé é impossível agradar a Deus”.

Nossos atos de bondade são aceitos diante de Deus por terem sido santificados pelo sacrifício de Jesus. Eles podem ser preceitos que regulam nossa conduta individual perante Deus e em relação ao próximo e à sociedade.

Praticá-lo pelo desejo de obedecer a Deus

A qualificação de uma boa obra também pode ser encontrada em nossas intenções. Nunca devemos praticar o bem pensando em recompensa ou “exercer a justiça diante dos homens com o fim de serdes vistos por eles” (Mt. 6:1). Devemos, ao contrário, praticá-lo pelo desejo de obedecer a Deus.

Como um caminho natural da vida, Deus nos recompensará de forma justa no dia do juízo. Assim, podemos ver a boa obra como uma evidência da salvação.

A importância das boas obras

A Graça de Deus envolve amor, bondade, sabedoria, misericórdia, perdão e justiça. Ela chegou até nós quando acreditamos que Jesus é o Senhor. Ou seja, a salvação chegou pela fé e não pelos esforços humanos.

Mas, se não foi assim, qual é a importância de nós realizarmos boas obras? Colocar em prática o exercício das verdades bíblicas.

Deus faz boas obras por meio de nossas vidas para que sigamos o caminho espiritual da verdade. Um dos mandamentos que devemos ter sempre em mente é que cada um de nós veio à Terra para cumprir sua missão e ajudar o próximo. Dessa forma, não há como escapar do planejamento divino.

Responsáveis pela colheita a partir do plantio

Em 2Coríntios 5:10, vemos que nós somos responsáveis pela colheita a partir do plantio. “Porque importa que todos nós compareçamos perante o tribunal de Cristo, para que cada um receba segundo o bem ou o mal que tiver feito por meio do corpo”.

Se fomos feitos para as boas obras, a realização delas é importante para que sigamos o próprio Cristo. Na prática, é o exercício dos mandamentos cristãos.

boas obras

Exemplos de boas obras

As boas obras se dão em todos os campos das nossas vidas. Abaixo, confira alguns exemplos de boas obras para colocarmos em ação:

Obras de caráter pessoal

Quando falamos sobre obras de caráter pessoal, referimo-nos ao relacionamento de cada um com Deus. Nossa vida de oração e estudo da palavra é o nosso maior elo com o Criador, o que nos inspira e nos faz ter fé na prática das boas obras.

Entretanto, a própria Bíblia ensina que somos membros de um mesmo corpo (Rm. 12:5) e temos o dever de cooperar a favor do nosso irmão. Para sermos agentes transformadores, precisamos olhar para fora, não só para o íntimo.

Trabalho, família, igreja e meio ambiente são locais onde as leis do Cristo precisam ser obedecidas. Por isso, as obras de caráter social.

O estudo dos ensinamentos cristãos, por exemplo, não deve ficar restringido à individualidade de cada um. Ao contrário, precisamos lutar para que ele seja melhor aplicado e disseminado para que as boas obras possam ser feitas em toda a sociedade.

Obras de caráter social

Nossa responsabilidade social é retratada na Bíblia na bonita passagem Mt. 5:13-16: “Vós sois o sal da terra (…) Vós sois a luz do mundo. Não se pode esconder a cidade edificada sobre um monte; nem se acende uma candeia para colocá-la debaixo do alqueire, mas no velador, e alumia a todos os que se encontram na casa. Assim brilhe também a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai que está nos céus.”

As boas obras, provenientes da fé, devem se estender por toda a comunidade. Daí a necessidade de a Igreja se envolver em ações sociais quando possui condições para isso.

Esse envolvimento pode ser dar pessoalmente, quando a Igreja cria projetos sociais e os atende diretamente ou de forma organizacional. Nesta forma organizacional, as parcerias com instituições sérias são boas opções para atender às necessidades da comunidade local.

Apadrinhamento financeiro de meninos e meninas

Aqueles que reconhecem seus dons e vocações podem ser envolvidos para ampliar o alcance das boas obras. Um projeto social que vem crescendo no Brasil e conta com a parceria de algumas igrejas é o apadrinhamento financeiro de meninos e meninas que vivem em situação de extrema pobreza.

O trabalho é feito por associações sociais de tradição e responsabilidade, que permitem o seu acompanhamento direto e avaliação do resultado do investimento feito. Se você quer ajudar e não encontrou ainda uma instituição confiável, conheça o ChildFund Brasil, contribua para transformar as vidas de muitas crianças e ofereça para elas oportunidade de se tornarem jovens, adultos, pais e líderes que poderão atuar gerando transformações positivas nas comunidades.

Além da área social, as boas obras podem ser desenvolvidas em busca da verdade, da justiça social e também na ecologia, considerando que a terra nos foi dada com todas as condições para que vivamos bem e em harmonia. É, por isso, nossa obrigação cristã cuidar do cultivo responsável da terra e de todo o meio ambiente nos oferecido por Deus para que possamos exercer nossas boas obras.

A boa obra é proveniente da fé e uma evidência da salvação. Ela pode ser realizada dentro de nós e em benefício do próximo.

Já sabe com qual obra social se identifica? Conheça o ChildFund Brasil e deixe seu comentário caso tenha alguma dúvida!

ChildFund Brasil

O ChildFund Brasil é uma organização de desenvolvimento social que por meio de uma sólida experiência na elaboração e no monitoramento de programas e projetos sociais mobiliza pessoas para a transformação de vidas. Crianças, adolescentes, jovens, famílias e comunidades em situação de risco social são apoiadas para que possam exercer com plenitude o direito à cidadania.

LEIA TAMBÉM