Cultivando futuros melhores: como os projetos do ChildFund Brasil ajudam no desenvolvimento das crianças

O ChildFund Brasil trabalha para transformar a realidade de um país socialmente desigual, onde nem todas as crianças brasileiras possuem acesso aos seus direitos básicos. Algumas das principais motivações para o preocupante cenário atual são a pobreza e extrema pobreza que, por serem multidimensionais, afetam significativamente o desenvolvimento de uma parcela da população que depende de nossos cuidados para crescer de forma saudável.

E o que é um desenvolvimento saudável? Basicamente, aquele que respeita o que diz o ECA, permitindo à criança e ao adolescente direito à vida e à saúde; direito à alimentação; direito à educação; direito à cultura, ao esporte e ao lazer;  direito à profissionalização e à proteção no trabalho, direito à liberdade, ao respeito e à dignidade; e direito à convivência familiar e comunitária.

Cenário no Brasil

Um relatório da Unicef, elaborado no fim de 2018, mostra que 39,7% das crianças com idades entre 0 e 5 anos têm seus direitos violados no Brasil. Entre os adolescentes de 14 a 17 anos, 60% têm seus direitos violados.

Esses dados possuem uma enorme relação com a pobreza e a extrema pobreza que, como abordamos, é multidimensional. No Brasil, ainda de acordo com a Unicef, 61% das meninas e dos meninos vivem na em situação de pobreza – sendo monetariamente pobres e/ou estando privados de um ou mais direitos.

Dentre algumas das problemáticas, está o acesso à educação, que varia por região e é totalmente desigual ao redor do Brasil. Há crianças ainda com privação de informação, como a falta de Internet e televisão. Durante a pandemia da covid-19, não ter acesso a esses meios de comunicação e tecnologia impediu uma grande parcela da população de seguir com os estudos.

O estudo ainda aponta que, apesar dos esforços adotados pelo Brasil, problemas graves como o trabalho infantil ainda afeta 6,2% das crianças entre 5 e 17 anos, especialmente nas regiões Norte e Nordeste.

A privação do direito à moradia também é realidade para 11% das crianças e dos adolescentes brasileiros até 17 anos. Desses, 4,2% vivem em casas com 5 ou mais pessoas por dormitórios e teto de palha, em situação de privação extrema.

No que tange o direito à vida e a saúde, dois aspectos primordiais são a água e o saneamento. Mas, no Brasil, 14,3% das crianças e dos adolescentes não têm o direito à água garantido, enquanto que o saneamento é insuficiente na casa de 21,9% dos menores de idade.

Outros problemas, como a fome e a insegurança alimentar também são realidade em muitos lares.

Saiba mais sobre esse triste cenário no artigo “Insegurança alimentar: fome volta a crescer no Brasil e prejudicar as nossas crianças”.

Como ajudar essas crianças?

Quer ajudar essas crianças? Você pode apadrinhá-las! Ao contribuir com um valor mensal de R$67,00, que será destinado para  um fundo coletivo que financia diretamente a realização de projetos sociais e atividades das quais a criança e sua família participam.

Padrinhos e madrinhas podem participar das vidas das crianças por meio de cartas, telefonemas e até visitas supervisionadas. Além disso, recebem, periodicamente, informações sobre as crianças e os resultados do trabalho do ChildFund Brasil por meio de boletins, e-mails e WhatsApp, bem como um relatório anual que mostra o progresso individual de cada criança.

Se você tem dúvidas acerca do quanto o ChildFund Brasil é confiável, disponibilizamos em nosso site todos os dados de transparência por meio dos Relatórios de Sustentabilidade, com base em diretrizes globais, a Global Reporting Initiative (GRI). Além disso, todas as informações são auditadas anualmente para que possamos enviar aos padrinhos, parceiros, colaboradores e todos envolvidos.

Acompanhamos de perto o progresso e desenvolvimento dos nossos programas e projetos  e recursos financeiros. A aplicação dos valores doados é rigorosamente acompanhada por sistemas informatizados e orientada por uma equipe de profissionais competentes.

Além disso, fomos eleitos por dois anos consecutivos como a melhor ONG na categoria criança e adolescente, de acordo com classificação do Instituto Doar, e estamos há 4 anos entre as 100 melhores ONGs do Brasil.

Como os nossos projetos funcionam?

O trabalho do ChildFund Brasil é levar às crianças e adolescentes condições para que possam atingir o seu pleno potencial de desenvolvimento. O valor doado através do apadrinhamento é direcionado para ações duradouras e de longo prazo.

Os projetos são realizados nas mais diversas áreas: educação financeira, água potável,

empreendedorismo, cultura, proteção infantil, preparação para o mercado de trabalho, geração de rende e subsistência (horta familiar e avicultura), segurança alimentar, dentre outros  temas trabalhados com as crianças e suas famílias.

Ao apadrinhar  uma criança, sua doação não contribui apenas para o seu desenvolvimento individual, mas também colabora para levar condições melhores para toda a sua família e até mesmo para a comunidade onde ela está inserida.

Nossos programas e projetos sociais são desenvolvidos através de um diagnóstico da

comunidade, avaliando as necessidades de todos e os principais desafios. Assim, é possível que cada projeto se adapte de acordo com a realidade local, levando em conta a faixa etária, aspectos econômicos, sociais, políticos e ambientais.

Os principais deles são:

Primeira infância saudável e protegida (0 – 6 anos)

Através do programa, o nosso principal objetivo é trabalhar com os pais ou cuidadores sobre como proteger e cuidar melhor das crianças, garantindo seu pleno desenvolvimento de forma saudável. Para alcançá-lo, desenvolvemos o projeto Brincando e crescendo Feliz,, que  promove ações que contribuem com o desenvolvimento integram e bem estar da faixa etária, assegurando que todos os seus direitos são respeitados.

Crianças e adolescentes saudáveis e confiantes (7 – 14 anos)

A partir dessa idade, desenvolvemos um programa para estimular uma infância e adolescência saudáveis. O foco é fortalecer os vínculos entre crianças, adolescentes, jovens e adultos, e promover a educação e cultura de paz, trabalhando com os seguintes projetos:

Adolescentes saudáveis e participativos: esse projeto estimula uma educação de qualidade, fortalecendo a convivência familiar e comunitária através das ações das crianças e adolescentes.

Habilidades para a vida: além de garantir às crianças e adolescentes serviços socioassistenciais e de saúde, também estimula uma consciência crítica e cidadã.

Jovens capacitados e participativos (15 – 24 anos)

Com esse projeto, o nosso foco é fortalecer a identidade pessoal e coletiva dos jovens e estimular uma juventude participativa e o seu protagonismo na sociedade, para que estejam capacitados para a sua inclusão no mercado de trabalho. Assim, são desenvolvidos os projetos:

Identidade e participação cidadã: o intuito é contribuir para o fortalecimento da identidade pessoal e coletiva de todos os jovens da comunidade.

Qualificação pessoal e profissional: apoio ao desenvolvimento dos jovens para que eles tenham boas condições de se inserirem no mercado de trabalho.

Família e comunidade segura e protegida

Nesse programa, o objetivo é contribuir para que as familias, comunidades e organizações desenvolvam suas ações de maneira coletiva, visando o desenvolvimento  integral e bem-estar de todas as crianças, adolescentes e jovens, além de buscar assegurar que todos os direitos sejam respeitados. Alguns dos projetos executados com esse fim são:

Água pura para crianças: o projeto é uma parceria do ChildFund Brasil com a P&G,  atendendo nove municípios do Vale do Jequitinhonha. O foco é levar as famílias de cidades ou vilarejos uma solução para que possam consumir água potável e de qualidade, já que estes utilizam água sem tratamento adequado proveniente de poços cavados à mão, rios e lagos. Para que o projeto aconteça, são distribuídos sachês de purificação que transformam a água imprópria para o consumo em água potável.

Avicultura Doméstica: desenvolvido diretamente com as famílias, o projeto viabiliza a avicultura doméstica em suas casas para que tenham acesso a uma alimentação saudável e sustentável para garantir o desenvolvimento das crianças.

Organizações parceiras

Para a realização de tais projetos, atuamos nas localidades de maior necessidade por meio de ações em conjunto com as Organizações Sociais Parceiras (OSPs), que são organizações da sociedade civil locais, independentes, geridas pela própria comunidade e que possuem visão compatível com a do ChildFund Brasil.

Assim, nós capacitamos suas equipes em nossas tecnologias sociais, metodologias e processos, além de financiarmos e acompanharmos de perto a gestão dos programas e projetos.

Essas OSPs são responsáveis pelo acolhimento e pela prestação de suporte aos apadrinhados, utilizando as tecnologias sociais do ChildFund Brasil.

Para apadrinhar uma criança e contribuir de maneira significativa com o seu desenvolvimento, acesse.

O seu gesto pode mudar uma vida!

ChildFund Brasil

O ChildFund Brasil é uma organização de desenvolvimento social que por meio de uma sólida experiência na elaboração e no monitoramento de programas e projetos sociais mobiliza pessoas para a transformação de vidas. Crianças, adolescentes, jovens, famílias e comunidades em situação de risco social são apoiadas para que possam exercer com plenitude o direito à cidadania.

LEIA TAMBÉM